Reforma Tributária: Créditos de PIS e Cofins serão mantidos após criação da CBS

Reforma Tributária: Créditos de PIS e Cofins serão mantidos após criação da CBS 1Projeto de Reforma Tributária que cria a CBS prevê manutenção do direito ao crédito de PIS e Cofins

Além de outras questões que envolvem a criação da CBS e a extinção do PIS e da Cofins, o que muitos querem saber é sobre o saldo credor de PIS e Cofins existente antes de entrar em vigor a Contribuição social sobre operações com Bens e Serviços.

Será que o governo vai manter o direito de credito do PIS e da Cofins existente antes de entrar em vigor a CBS?

Sim, de acordo com o art. 121 do Projeto de 3.887/2020 será mantido o saldo credor de PIS e Cofins. Os valores das contribuições poderão ser compensados com tributos federais ou ser objeto de ressarcimento.

Confira os principais pontos do Projeto que cria a CBS relacionados pela Agência Câmara de Notícias:

Reforma Tributária: Créditos de PIS e Cofins serão mantidos após criação da CBS 2

Como podemos notar, de acordo com o Projeto de Reforma 3.887/2020 do governo, o direito ao saldo credor de PIS e Cofins existente antes de entrar em vigor a CBS será preservado e poderá ser utilizado para compensar tributos administrados pela Receita Federal (inclusive a CBS) ou ser objeto de pedido de ressarcimento (art. 121), observado o prazo de cinco anos.

Saldo credor de PIS e Cofins x CBS

O Saldo credor do PIS e Cofins não poderá ser utilizado para abater do valor apurado a título de CBS (inciso III do art. 121 do PL 3887/2020).

Depois de apurar a Contribuição social sobre operações com Bens e Serviços- CBS se a empresa tiver saldo credor de PIS e Cofins poderá utilizar o instituto da compensação para liquidar total ou parcialmente o valor conforme regras em vigor.

Portanto, a empesa não perderá o direito de utilizar os valores dos saldos credores de PIS e Cofins existentes antes de entrar em vigor a CBS.

O que você precisa saber sobre o Projeto que cria a CBS?

De acordo com o Projeto nº 3.887/2020, a CBS incidirá apenas sobre a receita decorrente do faturamento empresarial, ou seja, sobre as operações realizadas com bens e serviços em sentido amplo.

Mas atenção, o Projeto que cria a CBS:

Extingue ao regime cumulativo, com isto a CBS será apurada através do regime não cumulativo;

Extingue o sistema monofásico para o setor de autopeças, medicamentos, higiene pessoal, cosméticos e bebidas frias;

Produtos da cesta básica serão isentos;

Fixa a alíquota geral em 12%;

Determina como vencimento para o tributo até dia 20 (hoje o vencimento do PIS e da Cofins ocorre até dia 25);

A CBS entrará em vigor no 1º dia do 6º mês após publicação da Lei que a instituiu.

 

Empresários e profissionais das áreas contábeis, fiscais e tributárias fiquem atentos às mudanças!

Siga o Fisco, 9 anos na estrada tributária e a sua origem

Precisa de Certificado Digital? Obtenha aqui o Certificado com a Fenacon-CD!

Leia mais:

Reforma Tributária: PIS e Cofins serão substituídos pela CBS de 12%como montar uma loja virtual

Reforma Tributária: Proposta do Governo cria a CBS

Soluções tributárias e fiscais, um canal feito especialmente para você!

 

SIGA o FISCO Presta Serviço à Distância de consultoria e treinamento

Ao divulgar esta matéria, fique atento para citar a fonte.

Solicitações de consultas ou respostas podem ser feitas através da contratação do nosso serviço de Consultoria sob Demanda.

_________________________ INFORMAÇÕES SOBRE A EMPRESA SIGA O FISCO___________________________
Quer se manter atualizado? Tem interesse em receber notícias deste Portal? Ao acessar qualquer matéria informe seu e-mail (clique na figura do envelope – basta informar uma única vez).
Siga o Fisco®, estabelecida no município de São Paulo, é uma empresa que oferece serviços de consultoria, Cursos, Treinamento (da sua equipe, do seu cliente e fornecedor), e Palestras (tributos indiretos: ICMS, ISS, IPI, PIS/Cofins e Simples Nacional). Temos ainda o Serviço do Especialista Fiscal que vai até a sua empresa (um programa adaptável às necessidades do cliente). Interessados em nossos serviços poderão entrar em contato. Você sabia que a empresa Siga o Fisco® pode te ajudar ainda que a distância?
Parceiros com Ferramentas que auxiliam na rotina contábil e fiscal: Quer divulgar seu produto neste Portal? Entre em contato!
O Portal Siga o Fisco foi criado para compartilhar informações de interesse dos contribuintes e profissionais que atuam na área contábil, fiscal e tributária. Entendemos que todas as atividades são importantes, inclusive as de fiscalizações realizadas pelos órgãos federais, estaduais e municipais, que muitas vezes ajudam a combater a concorrência desleal. 

 

 

Você pode gostar